Caixas de papelão

De todos os tipos de embalagens as caixas de papelão são as mais utilizadas em todo o mundo, e a cada ano o consumo aumenta de forma significativa. O papelão ondulado que é a matéria prima que utilizamos para fabricar as caixas de papelão também servem a muitas outras coisas, como por exemplo expositor para ponto de venda.

Existem trabalhos muito bem feitos e bonitos com a utilização do papelão para esse fim. Os projetistas de embalagens trabalham na estrutura para que o conjunto possa sustentar o peso desejado, e além disso há a preocupação com o designer da peça como um todo.

Uma das grandes vantagens é a grande área de visibilidade que pode ser aproveitada para estabelecer a comunicação visual. O acabamento na face externa do papelão e também o tipo de impressão podem variar de acordo com o que foi estabelecido no projeto inicial.

Os mais simples recebem impressão flexográfica que vão de uma a quatro cores e podem ser totalmente executados em cartonagens, que são as indústrias que fazem as caixas de papelão. A maioria das fábricas de papelão estão aptas a executar esse tipo de trabalho e se destacam pelos formatos de negócios que executam. Por exemplo indústrias de grande porte como Klabin e International Paper ou as menores como por exemplo uma chamada Vincoflex.

A grande maioria no entanto recebe acabamento mais sofisticados e geralmente são produzidos em indústrias gráficas. O acabamento do papelão para receber a impressão se inicia com a impressão via off-set sobre cartão duplex que pode receber impressão com uma, duas, três, quatro ou mais cores.

O cartão duplex depois de impresso pode receber acabamento de verniz ou plastificação, e em seguida é acoplado sobre papelão de face simples, que são as chapas com uma capa que fá a vez de interna e uma ondulação. O duplex passa a ser a capa externa com acabamento.

Depois de todo esse processo ele segue para a máquina que corta e vinca. É onde começa a ter o aspecto de uma peças acabada pronta para ser montada e enviada para o cliente que por sua vez fará a distribuição em pontos de venda nos estabelecimentos comerciais.

Oportunidades a vista

Muitas oportunidades são lançadas a cada dia e simplesmente não são aproveitadas. Isso é péssimo porquê as oportunidades que perdemos hoje podem ser encontradas por outras pessoas, e quando nos damos conta disso fica muito difícil recuperar e ocupar o espaço preenchido. Podemos até tentar, mas se aquele que chegou antes estiver agindo com competência no nicho em que se apropriou, será uma tarefa das mais árduas e talvez não valha a pena. Nesse caso deve-se ficar atendo e não deixar escapar as novas oportunidades que surgem e que com certeza virão no futuro.

Por outro lado é possível que muitas das oportunidades perdidas simplesmente estavam lá e podiam ser reconhecidas naquele momento, mas por uma razão ou outra não tínhamos como aproveitá-las. De qualquer forma isso não muda nada porquê foi mais uma chance que se foi.

E se invertermos a situação e passássemos a usar uma lupa para garimpar as oportunidades perdidas pelas outras pessoas. Com certeza iríamos encontrar verdadeiros tesouros que simplesmente foram deixados de lado e pouco explorados. Nessa hora cabe então aproveitarmos e agir com cautela no sentido de fazer o melhor uso do achado e dar o melhor destino possível de forma que possamos usufruir dos resultados que eventualmente possam ser alcançados.

Oportunidade no trabalho

Transportando tudo isso para o âmbito profissional, no momento em que surgir qualquer oportunidade de atualização em sua área, e que seja compatível com ofício que pratica, ou mesmo se for o caso de aprender algo novo que possa acrescentar e elevar profissionalmente, o melhor que se tem a fazer é analisar rapidamente com muita atenção, e se for o caso tomar de imediato a decisão favorável em benefício de sua carreira.

Se surgirem quaisquer oportunidades de aprender coisas novas que acrescentem algo a mais na vida profissional também são bem vindas. Seguindo nessa linha alguns cursos voltados a área de atuação tem o poder de “abrir” a cabeça.

Dia desses tive a oportunidade de conhecer o trabalho de um profissional que desenvolveu um método muito bom e o transformou em um curso super interessante chamado como viver de vendas.

Cito esse curso como exemplo de oportunidade aproveitada por muitas pessoas que por acreditarem mudaram de vida e alcançaram sucesso que tanto buscavam.

Lembre-se. Se deixar qualquer oportunidade pra depois o tempo poderá passar rapidamente, e quando “acordar” será tarde.